Eventos

Uma Conversa com o Vice Ministro Zeev Elkin

Category:

Eventos

No dia 20 de agosto, o casal Sarah e Sergio Benchimol recebeu em sua residência um grupo de cerca de 50 convidados para assistir a palestra do Vice-Ministro de Relações Exteriores de Israel, Zeev Elkin.

Zeev estava acompanhado do embaixador de Israel, Rafael Eldad, e do Cônsul Honorário do Rio de Janeiro, Osias Wurman falou durante mais de uma hora sobre a Política Israelense na Turbulência do Oriente Médio, fazendo um resumo sobre os desafios que estão perante Israel no palco internacional.

A abordagem da mídia sobre o tema foi um dos pontos levantados pelo Vice-Ministro. Segundo ele, os jornalistas insistem sempre na questão do processo de paz com os palestinos, quando, na verdade, o foco deveria a corrida nuclear do Irã. “Isso não é um problema só de Israel, mas de todo o mundo”, disse Zeev, lembrando que o terrorismo não respeita fronteiras.

Quanto ao atual estágio da corrida nuclear iraniana, Zeev explicou que só seria possível tomar qualquer tipo de medida para interromper o processo na fase atual, ou seja, a de enriquecimento de urânio. “As próximas etapas podem ser feitas em locais secretos, onde os Serviços de Inteligência não sejam capazes de identificar. Foi o que aconteceu com as Coréias”, lembrou ele.

Sobre as novas rodadas de negociações de paz com os palestinos, Zeev se mostrou cauteloso. “Não podemos ser inocentes como há 20 anos, quando fizemos concessões e hoje vemos mísseis caindo em nossos quintais”.  Para o Vice-Ministro o processo de paz tem que se basear em dois princípios muito claros: segurança para o povo e o reconhecimento do Estado de Israel como o Estado do povo judeu.

Zeev Elkin lembrou que Teodor Hertzl sonhou com um país normal, com ladrões, assassinos, pobres e ricos. “Hoje somos um país normal como todos os outros, mas não recebemos um tratamento normal, por parte de todos os outros”.

Mesmo não se dizendo muito otimista quanto a uma possível chance à paz, Zeev deixou uma porta aberta ao afirmar:  “Parece fácil, mas não é. Temos que descobrir como vamos fazer as concessões”.

Incansável e bem humorado, ao final de sua palestra  Zeev Elkin pediu ajuda aos judeus da diáspora nesse desafio de “explicar ao mundo nossa luta para mostrar nossa verdade”.

Tags: , ,